Buddy Vet

Cachorro se coçando muito: o que pode ser e o que fazer?

cachorro se coçando muito

Você notou seu cachorro se coçando muito? É normal ver os cães se coçando ocasionalmente, mas quando o seu peludo se coça sem parar, isso pode ser sinal de um problema. 

Existem muitas razões pelas quais seu cão pode estar se coçando com frequência. A coceira pode ser causada por pulgas ou outros parasitas, mas também pode ser sinal de uma doença subjacente, como dermatite atópica. 

Quer saber mais sobre o assunto? Continue lendo nosso post!

Como saber se a coceira é exagerada?

Os peludos se coçam por muitas razões diferentes e, às vezes, sem motivo. Todo cão precisa se coçar diariamente e isso é completamente normal. 

No entanto, quando o cachorro está se coçando excessivamente, lambendo, arranhando ou mordendo sem parar a ponto de se machucar, fique atento. Pode ser sinal de um problema subjacente.  

Se você notar queda de pelo, lesões e feridas na pele do seu amigo de quatro patas, busque um veterinário imediatamente para investigar as causas do problema e tratar adequadamente.

Cachorro se coçando muito: o que pode ser?

Ectoparasitas

Uma das primeiras causas que vem à mente quando vemos o cachorro se coçar são pulgas e carrapatos. 

A coceira é decorrente de uma reação alérgica, causada pela saliva do parasita. O problema é mais grave em cães que têm sensibilidade à substância presente na saliva da pulga. 

Nesses casos, a hipersensibilidade pode causar uma reação exacerbada do organismo, levando o pet a se ferir ao se coçar excessivamente. 

As picadas de pulgas podem ser encontradas em qualquer parte do corpo do pet, mas são mais comuns nas patas, na base da cauda e na extremidade traseira, onde as pulgas geralmente gostam de se esconder.

Felizmente, o tratamento é bastante simples e a situação pode ser solucionada com banhos e produtos antiparasitas recomendados pelo veterinário.

Sarna

A sarna é um tipo de doença de pele altamente contagiosa que pode causar coceira intensa no seu cão, causando lesões graves na pele.  

Se o cachorro está se coçando muito e está apresentando uma queda de pele nas regiões dos olhos, bocas e patas, busque um veterinário para investigar o problema. 

Apesar de não ter prevenção, a sarna é tratável. Shampoos específicos, pomadas e remédios fazem parte do tratamento geralmente adotado pelo veterinário.  

Alergias e cachorro se coçando muito

Diversos tipos de alergias podem ser responsáveis pelo cachorro se coçando muito

Além da alergia à saliva das pulgas, seu cão pode estar sofrendo de uma reação alérgica a: 

  • Alimentos. Nem tudo o que comemos pode ser oferecido aos cães, além disso, mudanças na ração também podem causar alergias e, consequentemente, coceira. 
  • Plantas. Viu seu pet cheirando plantas? Não deixe ele criar o hábito de mordê-las e comê-las. Algumas plantas são tóxicas e podem causar alergias. 
  • Dermatite de contato. É bastante comum e pode ser causada pelo uso de produtos químicos como shampoos e condicionadores.

Atopia canina (ou dermatite atópica)

A dermatite atópica é uma doença inflamatória crônica de fundo alérgico que atinge a pele dos cães, causando intensa coceira. 

Os cães com dermatite atópica se tornam sensíveis a antígenos ambientais como a poeira, ácaros e pólen de flores.

Os sinais de atopia canina são decorrentes da inflamação e coceira. É possível observar vermelhidão, descamação, alopecia, presença de pápulas e outros sinais.

Notou que o seu cão está com feridas e se coçando muito? Não espere a condição do seu peludo piorar e procure um veterinário o quanto antes. 

Além dos problemas que citamos, existem outras causas que podem provocar a coceira no seu peludo, como doenças hormonais e micoses. 

Meu cachorro coça a orelha e lambe a pata, o que pode ser?

Um dos motivos para o cachorro coçar a orelha e lamber a pata é uma inflamação no ouvido. 

Também chamada de otite canina, se refere à inflamação que acomete o conduto auditivo dos cães. 

É importante estar atento e buscar ajuda de um veterinário logo que os primeiros sinais e sintomas aparecerem. Eles incluem:

  • Coceira intensa na região das orelhas, podendo ser com as patas; esfregando a  cabeça em móveis ou até mesmo no chão;
  • Balançar a cabeça com frequência na tentativa de aliviar a coceira;
  • Chorar ao coçar a orelha;
  • Presença de secreção, crostas, excesso de cera e/ ou pus no ouvido;
  • Mau cheiro e vermelhidão no ouvido.

Em casos mais graves, o cão pode apresentar sinais de surdez. 

O que fazer com o cachorro se coçando muito? 

Se você observar que o seu cãozinho está se coçando mais do que normal e a pele está em mau estado, chame um médico veterinário para examiná-lo e realizar um check-up completo.

O especialista deve fazer alguns exames para determinar o que está causando a coceira intensa e prescrever o tratamento adequado. 

O tratamento da condição subjacente alivia a coceira e os outros sintomas associados.

Como evitar a coceira em cães?

Cuidar da alimentação, do pelo e saúde geral do seu pet contribui para evitar algumas condições que levam à coceira. Siga essas dicas!

  • Alimente seu cão com uma ração de qualidade;
  • Escove o pelo do seu cão regularmente;
  • Faça a profilaxia contra parasitas;
  • Mantenha o ambiente do seu pet limpo e seco;
  • Evite usar shampoos e condicionadores sem indicação veterinária;
  • Realize check-ups veterinários regularmente.

buddy.vet

Seu pet precisa de cuidados? A buddy.vet leva os melhores veterinários do Rio de Janeiro, Nova Friburgo e São Paulo até a sua casa para consultas, vacinas e exames.  

O atendimento domiciliar oferece uma consulta diferenciada ao pet, que não precisa sair do ambiente confortável do lar para ir até uma clínica, tornando a experiência muito mais agradável. 

Entre em contato através do Whatsapp no site ou baixe o aplicativo “buddy.vet“ para agendar o atendimento.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fundo transparente 100x100